Como minha alimentação afeta minha hemodiálise?

Suas escolhas sobre o que comer e beber durante a hemodiálise podem fazer a diferença em como você se sente e podem fazer com que seus tratamentos funcionem melhor.

Entre as sessões de tratamento de diálise, os resíduos podem se acumular no sangue e deixá-lo doente. Você pode reduzir o acúmulo de resíduos controlando o que você come e bebe. Também, pode ser necessário combinar o que come e bebe com o que seus tratamentos renais removem.

Alguns alimentos fazem com que os resíduos se acumulem rapidamente entre as sessões de diálise. Se o seu sangue contiver muitos resíduos, sua sessão de tratamento renal pode não removê-los completamente.

Como posso aprender o que devo comer?

Sua clínica de diálise tem um nutricionista renal para ajudá-lo a planejar suas refeições. Um nutricionista renal tem treinamento especial para cuidar das necessidades alimentares e nutricionais de pessoas com doença renal.

Use essas informações para ajudá-lo a aprender a comer bem, de modo que você se sinta bem na hemodiálise. Leia uma seção de cada vez. Em seguida, revise com seu nutricionista renal as seções marcadas “Fale com seu nutricionista renal”.

Mantenha uma cópia dessas informações à mão para se lembrar dos alimentos que você pode comer e dos alimentos que deve evitar.

Reúna-se com um nutricionista renal para criar um plano alimentar que funcione bem para você.

Preciso ter cuidado com o que como e bebo?

Sim. Você precisará planejar cuidadosamente suas refeições e acompanhar a quantidade de líquidos que come e bebe. Ajuda a limitar ou evitar alimentos e bebidas que tenham muitos:

  • potássio;
  • fósforo;
  • sódio— por exemplo, suco de vegetais e bebidas esportivas.

Por que é importante manter o controle de quanto líquido eu bebo?

Você pode se sentir melhor se controlar e limitar a quantidade de líquido que bebe. O excesso de líquido pode se acumular em seu corpo e causar:

  • inchaço e ganho de peso entre as sessões de diálise;
  • alterações na sua pressão arterial;
  • seu coração passa trabalhar mais, o que pode levar a sérios problemas cardíacos;
  • um acúmulo de líquido nos pulmões, dificultando a respiração.

A hemodiálise remove fluido extra do seu corpo. No entanto, a hemodiálise pode remover apenas tanto líquido de cada vez com segurança. Se você for à hemodiálise com muito líquido no corpo, o tratamento pode fazer você se sentir mal. Você pode ter cãibras musculares ou ter uma queda repentina na pressão arterial que faz com que você se sinta tonto ou enjoado.

Seu médico pode ajudá-lo a descobrir a quantidade de líquido certa para você.

Uma maneira de limitar a quantidade de líquido que você tem é limitar o sal nos alimentos que você come. O sal deixa você com sede, então você bebe mais. Evite alimentos salgados, como batatas fritas.

Seu nutricionista renal lhe dará outras dicas para ajudá-lo a limitar a quantidade de líquido que você consome, certificando-se de não sentir muita sede.

Quais alimentos são considerados líquidos e por que?

Alimentos líquidos à temperatura ambiente, como sopas, contêm água. Gelatina, pudim, sorvete e outros alimentos que incluem muito líquido na receita também são considerados. A maioria das frutas e vegetais contém água, como melão, uva, maçã, laranja, tomate, alface e aipo. Quando você contar quanto líquido você pode ingerir em um dia, certifique-se de incluir esses alimentos.

Qualquer alimento líquido à temperatura ambiente contém água. Alguns alimentos, como a maioria das frutas e vegetais, não são líquidos à temperatura ambiente, mas também aumentam a quantidade total de líquido que você come.

Qual é o meu peso seco?

Seu peso seco é o seu peso após uma sessão de hemodiálise ter removido todo o líquido extra do seu corpo. Controlar a ingestão de líquidos ajuda a manter o peso seco adequado. Se você deixar muito líquido se acumular entre as sessões, é mais difícil atingir seu peso seco. Seu médico pode ajudá-lo a descobrir qual é o peso seco certo para você.

Minha meta de peso seco: _____________.

Converse com seu nutricionista renal

Mesmo que você esteja em hemodiálise, seus rins ainda podem remover algum líquido. Alinhe com seu nutricionista renal para definir uma meta de quanto líquido você pode ingerir por dia. Mantenha o controle dos líquidos que você bebe e outros alimentos que você come.

Eu posso ter um total de _____ mililitros (ml) de líquido por dia.

Plano diário:

Eu posso ter _____ mililitros (ml) de _________ no café da manhã.

Eu posso ter _____ mililitros (ml) de _________ pela manhã.

Eu posso ter _____ mililitros (ml) de ______________ com o almoço.

Eu posso ter _____ mililitros (ml) de ______________ à tarde.

Eu posso ter _____ mililitros (ml) de ______________ com o jantar.

Eu posso ter _____ mililitros (ml) de ______________ à noite.

TOTAL: _______ mililitros (ml). Esse número deve ser igual ao objetivo que você definiu com seu nutricionista renal.

Mantenha o controle dos líquidos que você bebe e outros alimentos que você come.

O que preciso saber sobre potássio?

Rins saudáveis ​​mantêm a quantidade certa de potássio no sangue para manter o coração batendo em um ritmo constante. Os níveis de potássio podem aumentar entre as sessões de hemodiálise e afetar seus batimentos cardíacos. Comer muito potássio pode ser perigoso para o coração e pode até causar a morte.

Para controlar os níveis de potássio, limite alimentos ricos em potássio, como abacate, banana, kiwi e frutas secas. Escolha frutas e vegetais com baixo teor de potássio. Coma porções muito pequenas de alimentos com alto teor de potássio, como um ou dois tomates cereja em uma salada ou algumas passas em sua aveia.

Você pode remover um pouco do potássio das batatas cortando-as em cubos ou ralando-as e depois fervendo-as em uma panela cheia de água.

Para remover um pouco do potássio das batatas:

Corte as batatas em pedaços pequenos.

Ou, rale as batatas em pedaços.

E, em seguida, ferva as batatas em uma panela cheia de água.

Seu nutricionista renal lhe dará informações mais específicas sobre o teor de potássio dos alimentos.

Converse com seu nutricionista renal

Faça um plano alimentar que reduza o potássio em sua dieta. Comece observando os alimentos ricos em potássio que você come atualmente. Seu nutricionista renal pode ajudá-lo a incluir alimentos à lista.

Mudanças

Converse com seu nutricionista renal sobre alimentos que você pode comer em vez de alimentos com alto teor de potássio.

Em vez de _________, posso comer _________.

Em vez de _________, posso comer _________.

Em vez de _________, posso comer _________.

Em vez de _________, posso comer _________.

O que preciso saber sobre fósforo?

O excesso de fósforo no sangue retira cálcio dos ossos. A perda de cálcio pode tornar seus ossos fracos e propensos a quebrar. Além disso, muito fósforo pode causar coceira na pele. Limitar o fósforo pode ser difícil porque os alimentos que contêm fósforo, como carne e leite, também contêm a proteína de que você precisa. Você deve ter o cuidado de comer proteína suficiente. No entanto, não tanto que você obtenha muito fósforo. Alimentos processados ​​e embalados contêm níveis especialmente altos de fósforo. Você também pode encontrar fósforo naturalmente em alimentos como aves, peixes, nozes, manteiga de amendoim, feijão, cola, chá e laticínios. Normalmente, as pessoas em hemodiálise devem tomar apenas 1/2 xícara de leite por dia. Seu nutricionista renal lhe dará informações mais específicas sobre o fósforo.

Você pode precisar tomar um aglutinante de fosfato, acetato de cálcio, carbonato de lantânio ou carbonato de cálcio para controlar o fósforo no sangue entre as sessões de hemodiálise. Esses medicamentos agem como sacos plásticos com fecho de correr. O aglutinante de fósforo “sela” o fósforo dos alimentos e o remove pelas fezes para que o fósforo não entre na corrente sanguínea.

Converse com seu nutricionista renal

Limitar o fósforo e obter proteína suficiente pode ser difícil. Consulte a seção “ Fale com seu nutricionista renal ” na próxima seção sobre proteínas.

O que eu preciso saber sobre proteína?

Os nutricionistas renais incentivam a maioria das pessoas em hemodiálise a comer proteína de alta qualidade porque produz menos resíduos para remoção durante a diálise. Proteína de alta qualidade vem de carnes, aves, peixes e ovos. Evite carnes processadas, como cachorros-quentes e pimenta enlatada, que possuem grandes quantidades de sódio e fósforo.

Os nutricionistas renais incentivam a maioria das pessoas em hemodiálise a comer proteínas de alta qualidade.

Converse com seu nutricionista renal

Converse com seu nutricionista renal sobre as carnes que você come.

Vou comer ______ porção(ões) de carne por dia. Um tamanho de porção regular é de 90 gramas, aproximadamente o tamanho da palma da sua mão ou um baralho de cartas.

Tente escolher carnes magras ou com baixo teor de gordura e com baixo teor de fósforo, como frango, peixe ou rosbife. Se você é vegetariano, pergunte sobre outras formas de obter proteína.

O leite com baixo teor de gordura é uma boa fonte de proteína. No entanto, o leite é rico em fósforo e potássio. O leite também aumenta a ingestão de líquidos. Converse com seu nutricionista renal para ver se o leite se encaixa em seu plano alimentar.

Se o leite estiver no meu plano alimentar, beberei ______ xícara(s) de leite por dia.

O que preciso saber sobre sódio?

O sódio é uma parte do sal. O sódio é encontrado em muitos alimentos enlatados, embalados, congelados e fast foods. O sódio também é encontrado em muitos condimentos, temperos e carnes. Muito sódio deixa você com sede, o que faz com que você beba mais líquido.

Tente comer alimentos frescos e naturalmente com baixo teor de sódio. Procure produtos rotulados como “baixo teor de sódio”, especialmente em alimentos enlatados e congelados.

Não use substitutos do sal porque eles contêm potássio. Converse com seu nutricionista renal sobre temperos que você pode usar para dar sabor à sua comida. Seu nutricionista renal pode ajudá-lo a encontrar misturas de especiarias sem sódio ou potássio.

Converse com seu nutricionista renal sobre temperos que você pode usar para dar sabor à sua comida.

Converse com seu nutricionista renal

Seu nutricionista renal pode ajudá-lo a encontrar temperos e alimentos com baixo teor de sódio que você possa gostar. Liste-os aqui:

Especiaria: ________________

Especiaria: ________________

Especiaria: ________________

Comida: ________________

Comida: ________________

O que eu preciso saber sobre calorias?

Todos os alimentos contêm calorias e você precisa de calorias para obter energia. Muitas pessoas em hemodiálise não têm bom apetite e não ingerem calorias suficientes. Se você achar que não está com vontade de comer, converse com seu nutricionista renal para encontrar maneiras saudáveis ​​de adicionar calorias à sua dieta. Óleos vegetais – como azeite de oliva, óleo de canola e óleo de cártamo – são boas fontes de calorias e são a maneira mais saudável de adicionar gordura à sua dieta se você precisar ganhar peso. Use-os generosamente em pães, arroz e macarrão apenas se o seu nutricionista renal lhe disser para adicionar calorias à sua dieta.

Manteiga e margarinas são ricas em calorias. No entanto, eles são principalmente gordura saturada. Gorduras saturadas e gorduras trans podem entupir suas artérias. Use-os com menos frequência. Escolha uma margarina macia com menos gorduras saturadas e trans.

Converse com seu nutricionista renal sobre os tipos e quantidades de gordura que você precisa em sua dieta. Todos terão necessidades diferentes que um nutricionista renal pode ajudar a resolver.

Doces duros, açúcar, mel e geleia fornecem calorias e energia sem gordura ou outras coisas que seu corpo não precisa. Se você tem diabetes, tome cuidado ao comer doces e converse com seu nutricionista renal antes de adicionar doces ao seu plano alimentar.

Óleos vegetais – como azeite de oliva, óleo de canola e óleo de cártamo – são boas fontes de calorias.

Se você estiver acima do peso, seu nutricionista renal pode trabalhar com você para reduzir o total de calorias que você come todos os dias.

Converse com seu nutricionista renal

As necessidades calóricas de todos são diferentes. Você pode precisar reduzir as calorias se estiver acima do peso ou encontrar maneiras de adicionar calorias à sua dieta se estiver perdendo peso sem tentar. Converse com seu nutricionista renal sobre quantas calorias são adequadas para você.

Eu posso consumir ____ calorias todos os dias.

Devo tomar suplementos vitamínicos e minerais?

Você pode não obter vitaminas e minerais suficientes em sua dieta porque precisa evitar muitos alimentos. A hemodiálise também remove algumas vitaminas do seu corpo. Seu médico pode prescrever um suplemento vitamínico e mineral projetado especificamente para pessoas com insuficiência renal.

Importante: não tome suplementos nutricionais que você pode comprar no balcão. Esses suplementos podem conter vitaminas ou minerais que são prejudiciais a você. Por razões de segurança, converse com seu médico antes de usar probióticos, suplementos alimentares ou qualquer outro medicamento junto ou no lugar do tratamento prescrito por seu médico.

Converse com seu médico antes de usar probióticos, suplementos alimentares ou qualquer outro medicamento junto ou no lugar do tratamento prescrito por seu médico.

Pontos para lembrar

  • Suas escolhas sobre o que comer e beber durante a hemodiálise podem fazer a diferença em como você se sente e podem fazer com que seus tratamentos funcionem melhor;
  • Entre as sessões de tratamento de diálise, os resíduos podem se acumular no sangue e deixá-lo doente. Você pode reduzir o acúmulo de resíduos controlando o que você come e bebe;
  • Ajuda a limitar ou evitar alimentos e bebidas que tenham muitos:
    • potássio;
    • fósforo;
    • sódio— por exemplo, suco de vegetais e bebidas esportivas.
  • Você pode se sentir melhor se controlar e limitar a quantidade de líquido que come e bebe;
  • A hemodiálise remove fluido extra do seu corpo. No entanto, a hemodiálise pode remover apenas uma quantidade limitada de líquido por vez com segurança. Se você for à hemodiálise com muito líquido no corpo, o tratamento pode fazer você se sentir mal. Você pode ter cãibras musculares ou ter uma queda repentina na pressão arterial que faz com que você se sinta tonto ou enjoado;
  • Os níveis de potássio podem aumentar entre as sessões de hemodiálise e afetar seus batimentos cardíacos. Comer muito potássio pode ser perigoso para o coração e pode até causar a morte;
  • O excesso de fósforo no sangue retira cálcio dos ossos. A perda de cálcio pode tornar seus ossos fracos e propensos a quebrar;
  • Os nutricionistas renais incentivam a maioria das pessoas em hemodiálise a comer proteína de alta qualidade porque produz menos resíduos para remoção durante a diálise. Proteína de alta qualidade vem de carnes, aves, peixes e ovos;
  • O sódio é uma parte do sal. O sódio é encontrado em muitos alimentos enlatados, embalados, congelados e fast foods. O sódio também é encontrado em muitos condimentos, temperos e carnes. Muito sódio deixa você com sede, o que faz com que você beba mais líquido;
  • As necessidades calóricas de todos são diferentes. Você pode precisar reduzir as calorias se estiver acima do peso ou encontrar maneiras de adicionar calorias à sua dieta se estiver perdendo peso;
  • Você pode não obter vitaminas e minerais suficientes em sua dieta porque precisa evitar muitos alimentos. Seu médico pode prescrever um suplemento vitamínico e mineral projetado especificamente para pessoas com insuficiência renal. Por razões de segurança, converse com seu médico antes de usar probióticos, suplementos alimentares ou qualquer outro medicamento junto ou no lugar do tratamento prescrito por seu médico.

Esperamos que esse artigo traga mais qualidade de vida para você!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.